Publicado em 17/05/2022 às 18:16

51

Engenium Park promove oficina para auxiliar startups na captação de recursos por editais

Na terça-feira (dia 17), o Engenium Park - hub de inovação do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Paraná (Sinduscon/PR-Noroeste) e da Associação de Engenheiros e Arquitetos de Maringá (AEAM), apoiado pelo Sebrae -, vai promover oficina de orientação para submissão de projetos ao Programa Centelha, em parceria com a Fundação Araucária. A participação é gratuita.

No workshop, as construtechs, startups do setor da construção civil, aprenderão o passo a passo para participar do edital do programa, que oferece recursos financeiros, capacitações e suporte para transformar ideias em negócios de sucesso. “Entendemos que além da trilha de desenvolvimento de ideias e negócios, deveríamos em 2022 incluir no nosso programa de apoio às startups um conjunto de ações voltadas à captação de recursos, que chamamos de introdução à educação. De maneira que, via editais ou fundos de investimentos, possamos contribuir para que os empreendedores se prepararem para localizar e modelar seus projetos de maneira estruturada, para concorrer às oportunidades oferecidas pelo mercado e pelas instituições governamentais, e somando forças com parceiros como entidades, prefeitura, universidades e demais ambientes de inovação”, explica a consultora em design de serviços e gestora executiva do Engenium Park, Aline Cruz.

A oficina será ministrada por Deyvid Oliveira dos Anjos, técnico em Inovação na Fundação Araucária. Segundo ele, a integração entre os ambientes, ecossistemas e biomas de inovação é essencial para desenvolver e disseminar a cultura inovadora no Paraná. “Em cada região, a Fundação Araucária busca parceiros com esse intuito, e o Engenium Park é parceiro nas ações de inovação em Maringá. Neste momento, o foco é o Programa Centelha, que está em sua segunda edição e visa estimular a criação de empreendimentos inovadores e disseminar a cultura empreendedora no Brasil”, reforça.

Entre as startups que participarão da oficina está a Furnit Store, um marketplace de móveis e revestimentos modelados em 3D. O CEO Douglas Felipe Favoretto Guiraldelli viu no programa uma oportunidade de tirar uma boa ideia do papel. “Não conhecia nada sobre editais, fiquei sabendo do Centelha por meio do Engenium Park, que participo com a minha startup. Tenho uma ideia que tem potencial, mas vou precisar investir em desenvolvimento de plataforma, e o edital se encaixa perfeitamente nessa etapa. Ter acesso a R$ 60 mil para investir na empresa vai ajudar muito a transformar minha ideia numa realidade de negócio”, frisa.

A Archy.me, plataforma de comercialização de projetos de arquitetura prontos e personalizados, também marcará presença na oficina. Essa é a segunda tentativa da startup na submissão de projeto no Centelha. E vale a pena, segundo o arquiteto e fundador Amauri Berton. “Será um momento em que as startups que planejam se inscrever poderão ter contato próximo à Fundação Araucária para tirar dúvidas sobre a submissão das ideias para concorrer ao edital. Esse momento é importante para que os empreendedores possam elaborar a ideia inovadora e aumentar as chances de ser beneficiado pelo edital. Além da captação de recursos, mentorias e networking, no programa recebemos feedback do estágio do projeto, independente da classificação. Isso é importante para evoluir nas etapas referentes ao negócio em todas os aspectos necessários para nosso crescimento”, destaca.

As inscrições para participar da oficina podem ser feitas pelo link https://docs.google.com/forms/d/1Lezoyg1JMHUOfoMqI-nOvt0Ty1XBUCOY-UBYnVnmkB4/edit
O Programa Centelha é promovido pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) e pela Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), em parceria com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), o Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap) e a Fundação CERTI. No Paraná, o Centelha é executado pela Fundação Araucária.

Sua privacidade é importante para o Sindicato Da Indústria Da Construção Civil Do Paraná Região Noroeste – Sinduscon-PR/Noroeste.